0.00 0
Your cart is empty. Go to Shop
EnglishFrenchPortugueseSpanish
EnglishFrenchPortugueseSpanish

EnglishFrenchPortugueseSpanish

Campanha limitada ao stock existente. Campanha não acumulável com outras campanhas em vigor. Campanha válida até dia 31/12/2020 às 11h59

 34.90

metodos de pagamento2
ENVIAMOS PARA O MUNDO TODO

O rei da festa, em todo o seu esplendor. Feito com frutos cristalizados que, na verdade, não são cristalizados, são frutos em calda de açúcar, aos quais se juntam os frutos secos, de qualidade excecional. A massa delicada e o seu sabor aromático fazem deste bolo um excelente embaixador dos nossos doces tradicionais de Natal.

O envio é feito num recipiente metálico que permite conservar a qualidade do Bolo Rei por 4 semanas.

Caso desejem o produto em alguma data especifica no Check-Out poderão colocar a data de entrega desejada em observações.

 

 

Descrição

A receita portuguesa terá sido importada do sul de Loire. Crê-se que o primeiro estabelecimento português a vender esta iguaria foi a Confeitaria Nacional, em Lisboa, (c. de 1870). O seu autor terá sido o pasteleiro Gregório, o qual se terá inspirado numa receita que Baltazar Castanheiro Júnior trouxe de Paris. A partir desse momento, a receita e a moda deste bolo foram-se espalhando um pouco por todas as confeitarias da cidade.

A receita portuguesa terá sido importada do sul de Loire. Crê-se que o primeiro estabelecimento português a vender esta iguaria foi a Confeitaria Nacional, em Lisboa, (c. de 1870). O seu autor terá sido o pasteleiro Gregório, o qual se terá inspirado numa receita que Baltazar Castanheiro Júnior trouxe de Paris. A partir desse momento, a receita e a moda deste bolo foram-se espalhando um pouco por todas as confeitarias da cidade.

Já no Porto, o bolo-rei chegou mais tarde, em 1890, por iniciativa da Confeitaria Cascais, tendo por base a receita que Francisco Júlio Cascais trouxe de Paris.

Por altura da implantação da República, a 05 de outubro de 1910, o nome deste doce tornou-se, novamente, um problema. Por essa razão, durante esse período, este mesmo bolo foi na mesma confecionado e vendido, mas sob outras designações, tais como: “ex-bolo-rei”, “bolo de Natal”, “bolo de Ano Novo”, “bolo-presidente” ou “bolo-Arriaga”.

Simbologia

Há quem veja no bolo-rei um símbolo dos presentes ofertados pelos três Reis Magos ao Menino Jesus, aquando do seu nascimento. Assim a côdea simboliza o ouro; as frutas cristalizadas e secas representam a mirra; enquanto o aroma do bolo simboliza o incenso.

Resumo Nutricional:

Cals
343
Líp
13,14g
Carbs
51,74g
Prot
5,55g
Existem 343 calorias em Bolo Rei (1 fatia).
Repartição das Calorias: 34% líp, 60% carbs, 6% prot.

Ingredientes:

  •  farinha
  •  fermento de padeiro
  •  margarina
  •  açúcar
  •  frutas cristalizadas
  •  frutos secas ( meias nozes, amêndoas,passas de uva, pinhões)
  • limão, laranja
  •  vinho do Porto
  •  sal

 

 

1 pais 1001 terroirs
seleçao jack daniels 4
× Como podemos ajudar?